Menos Uma Rota: Está Decretado, Veículos Pesados E Até Ônibus Desviados Da BR-116 Proibidos De Passar Por Miraí

Foi cumprido no final da manhã desta quarta-feira (06), o Decreto da Prefeitura Municipal de Miraí (30 Km de Muriaé) que proíbe veículos de carga pesados e até ônibus especiais (com relação a altura) de passar pelas ruas da cidade e pela ponte urbana sobre o Rio Fubá, a qual não estaria resistindo ao tráfego intenso e muito pesado dia e noite. 

O secretário de Turismo e Cultura de Miraí, Marcos Paulo Albuini, recebeu nossa reportagem em seu gabinete e disse que sua secretaria e o Gabinete do Prefeito, além de uma grande equipe, inclusive o apoio da Polícia Militar, estão desde esta terça-feira (05) engajados na organização da cidade para o cumprimento do Decreto. 

O prefeito, Luiz Fortuci, também falou com nossa reportagem sobre grandes transtornos trazidos pelo fechamento da BR-116, e a fragilidade da ponte que teve um laudo do Departamento de Engenharia.

Nesta tarde de quarta-feira (05) será feita uma barreira na entrada da cidade avisando da proibição, e onde também o motorista terá como fazer o retorno, voltando para Muriaé ou Cataguases.

Neste primeiro momento a Polícia Militar dará um apoio, mas o DNIT de Leopoldina e DER foram informados da decisão e que as cidades vizinhas, como Muriaé, Leopoldina ajudem nesta divulgação para reduzir o transtorno aos usuários das rodovias da região.

Durante o tempo todo que nossa reportagem estavam na cidade, o trânsito de veículos pesados não parou, e segundo a Prefeitura, há estragos nas avenidas e ruas da cidade e moradores reclamando, pois os veículos pesados chegam a balançar o interior dos lares.

Dois representantes de duas grandes empresas de ônibus da região, Luiz Carlos, da Rio Doce e Eduardo Bertoudo, da Paraibuna, também foram a Miraí para traçar um plano para que os veículos sigam viagem. Esses ônibus comuns de viagem (linha) deverão seguir pela Rua Afonso Alves Pereira (a do Clube Mirahy).

As empresas de ônibus devem entrar em contato com a PRF ou mesmo com a Prefeitura de Miraí para ver se o veículo está dentro do plano de liberação de passagem naquela cidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*